30 de maio de 2011

Indianápolis!

Há muito tempo não acompanho a Indy. Não vejo nada além de algumas provas porque ainda gosto e/ou porque são tão tradicionais. Mas a Indy 500 de ontem eu fiz questão de assistir, até porque era a centésima prova no mítico oval. 

Para minha surpresa vi poucas bandeiras amarelas durante a prova (!) e no final algo ainda mais incomum: um rookie abrindo a última volta na liderança! Com este feito, J.R. Hildebrand estava prestes à fazer história na categoria...

...até acertar o muro na Curva 4 e se arrastar para a linha de chegada (300 metros à frente). O americano ainda conseguiu cruzar a linha na segunda posição. Melhor para Dan Wheldon, que não liderou sequer uma votla e herdou uma vitória improvável.



Para os que criticam o automobilismo por ser um esporte chato, isto é equivalente a um gol de desempate aos 50' do segundo tempo em uma final de Copa do Mundo!

Ah, Indianápolis!

Nenhum comentário:

Postar um comentário