26 de maio de 2011

Round 5 (Barcelona) - Rapidinhas

Infelizmente não vi a primeira parte da corrida, pois estava na estrada a caminho de Búzios (aliás, mais tarde comento sobre a terceira etapa do PNT). 


Fernando Alonso deu mais um de seus shows particulares, desta vez em casa. Depois de uma classificação além das expectativas (para a situação atual da equipe), o espanhol protagonizou uma das melhores largadas que já vi na vida! Infelizmente, ao longo da prova sucumbiu à falta de rendimento de sua Ferrari e terminou em uma (ainda) frustrante quinta colocação.

Felipe Massa continua sua decadência na Ferrari. O brasileiro vem acumulando maus resultados na temporada. Em Barcelona se classificou mal, e teve um ritmo de corrida ruim até a parte final; quando parou na caixa de brita por problemas mecânicos (o que particularmente me pareceu bastante duvidoso). A cada prova vejo-o mais distante de Maranello.

Lewis Hamilton também merece elogios, principalmente pelas voltas finais; quando foi à caça de Vettel. O inglês tentou o ataque por três voltas consecutivas, e me parece que na final, aliviou o pé e se contentou em somar pontos para o campeonato... Ficou a impressão de que ele poderia ter arriscado um pouquinho mais! A briga entre os dois pode esquentar no segundo semestre (e estou na torcida pra isso)!

Button por sua vez beliscou um terceiro lugar bastante discreto. Ótimo resultado se formos analisar o campeonato; Mas o inglês me parece este ano um pouco ofuscado pela agressividade e estrela do companheiro Hamilton, que têm conseguido performances muito mais expressivas.

Falando em brigas internas, Mark Webber mostra a cada prova que Sebastian Vettel é realmente um piloto fora de série. Mesmo com o ótimo carro da Red Bull, o australiano não consegue repetir o bom desempenho do companheiro. Apesar da pole no sábado, mais uma vez largou muito mal, terminando a prova em uma ofuscada quarta colocação.

Vale ressaltar a ótima corrida de recuperação que fez Nick Heidfeld. O experiente alemão largou em último e terminou em uma louvável oitava posição. Talvez tenha sido o melhor trabalho do fim de semana, provando mais uma vez que a Renault Lotus fez uma acertadíssima escolha de piloto para substituir Kubica.

Kobayashi fez algo parecido; depois de cair para a última posição ainda na primeira volta, teve fôlego para buscar o décimo posto. Mais uma boa apresentação do garoto prodígio! Sem dúvidas Koba-show merece um carro mais competitivo para o próximo ano.

Nao podemos esquecer de Schumacher! Em Barcelona, o alemão conseguiu o primeiro resultado do ano à frente do companheiro Rosberg. Sem querer cutucar, Rosberguinho declarou que não passou o companheiro porque teve  problemas em sua asa traseira. Enfim...

Nenhum comentário:

Postar um comentário