7 de março de 2012

Genes



O capacete é inconfundível. Uma singela (e desconhecida) homenagem ao seu clube de remo. 

Graham Hill é um mito das pistas. Pra mim, talvez seja o maior de todos. Seu feito até hoje ainda é único. Nenhum outro piloto acumula o título do campeonato de F1, além de vitórias nas 500 Milhas de Indianápolis e nas 24 Horas de Le Mans.

Correu com pelo menos duas gerações de grandes pilotos. E triunfou. Foram 14 vitórias e dois títulos mundiais. Os nomes dos adversários engrandecem ainda mais as conquistas. Iam de Juan Manuel Fangio a Niki Lauda

Em 1973 fundou a sua própria equipe. Na verdade a Embassy Hill não passou de uma aventura. Faltou tempo para que conseguisse algum sucesso. Em 1975 vieram os primeiros três pontinhos. E foi só. O acidente aéreo dizimou a equipe.

O sobrenome ainda seria vitorioso. Damon Hill, o filho, seria campeão mundial em 1996.

2 comentários:

  1. E dono de um senso de humor maravilhoso.

    ResponderExcluir
  2. Eu não sabia dessa do capacete do Hill ser homenagem ao clube de remo dele!!...aprendi mais uma.. valeu jaime \o/

    ResponderExcluir