6 de abril de 2012

Poesia

É impressionante como diante de algumas imagens faltam palavras. Bom dia.


Um comentário: