3 de abril de 2013

Sondermann

Hoje completam-se dois anos sem Gustavo Sondermann. E é impressionante constatar que as questões levantadas na época de seu acidente permanecem sem resposta.

Vamos lá.

A comissão de pilotos - criada às pressas para investigar o acidente - ainda existe? Se sim, o que foi apurado? Se não... Por que acabou?! O que está sendo feito de forma definitiva para aumentar a segurança na Curva do Café? Ou, a chicane provisória e as bandeiras amarelas agitadas no local tornaram-se soluções definitivas? Existe uma maior preocupação em relação a segurança dos carros estoquianos? Ou, acabar com a Copa Montana foi um "cala a boca" que ficou por isso mesmo?!

Perguntas que permanecem sem respostas...

Alguém surpreso?

Nenhum comentário:

Postar um comentário