10 de maio de 2013

Voando em Tarumã



(Putz!) Etapa de Tarumã do Brasileiro de Fiat 147, em 08 de junho de 1980 (exatos seis anos antes deste que vos bloga vir ao mundo). O piloto é um tal de "Janjão" Freire. 

Logo no início do vídeo dá pra ver tudo o que aconteceu. E o cara fez tudo certo: pegou o vácuo, tentou passar, teve de recolher... Só que aí acabou perdendo o carro, acertou o guard-rail, decolou e caiu praticamente fora do autódromo. Dizem que antes, ainda fez um gesto com as mãos como se estivesse "batendo as asas", mas, não sei se é verdade. É pouco provável, aliás.

O piloto saiu andando, sem um arranhão sequer.

Fiquei sabendo da história e do vídeo através do ótimo Blog do Passatão, do Niltão Amaral.

2 comentários:

  1. Boa! Essa história é muito legal e tem que ser divulgada. Quanto ao gesto de "asinhas", quem fez foi o
    Átila Sipos, repondendo ao Paternostro quando este fez gesto perguntando onde estava o Janjão. Ambos paulistas eram 1o e 2o colocados, e havia uma rixa forte entre estes (Equipe Milano) e os gaúchos Janjão e Conill (Equipe Jardim Itália).

    Valeu, parabéns pelo Blog e continue acompanhando o Blog do Passatão!

    Abraço,
    Niltão Amaral.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pelo esclarecimento da história das "asinhas", Niltão!

    Forte abraço!

    ResponderExcluir