16 de junho de 2013

Abu-bu virtuais

(Prometo melhorar a qualidade das fotos) Ontem foi dia de etapa virtual, no circuito de Yas Marina, em Abu Dhabi. A minha corrida não foi lá nenhuma maravilha, e não tenho muito pra falar não. Na verdade foi uma bosta de corrida. Mas, vamos lá...

Na primeira volta da classificação (lembrando, temos direito a duas) um erro bobo me fez travar as rodas dianteiras e acertar o muro de frente. Um toque de leve que não quebrou nada do carro, mas foi o suficiente para deixá-lo inguiável e me obrigou a abortar a volta.

Na segunda tentativa, a volta foi limpa, mas os pneus frios e a pouca bagagem de treino contribuíram para um modesto 20º lugar no grid, de 23 participantes. Um fiasco.

Mas, apesar da classificação, estava confiante para a corrida. Na Fórmula Light, basta fugir de confusões e não errar para ir bem. Tem muito braço de dinossauro na categoria. E eu estava bem, nos treinos e nas largadas teste que acontecem antes do briefing e da classificação.

Mas...

No final do warm-up (entre a classificação e a largada temos 5 minutos para treinar entradas de box, ajustes do carro e ir ao banheiro) meus pedais apresentaram problemas. O acelerador não chegava até o final do curso, e o freio permanecia parcialmente acionado o tempo todo. Ou seja, o carro não acelerava tudo o que podia e ainda permanecia "travado" o tempo todo.

Como não havia mais tempo de reiniciar o simulador para resolver o problema (e eu corria o risco de não conseguir largar se o fizesse), tive de arriscar andar nessas condições.

Daí em diante foram 50 minutos me arrastando pela pista, abrindo passagem para todo o grid e torcendo por abandonos e para que o meu motor conseguisse chegar até o final. Marcar um ponto que fosse (os 15 primeiros colocados pontuam) seria quase como uma vitória, dadas as condições do carro.

Enfim, consegui completar a corrida, em um vergonhoso 17º lugar. Isso mesmo! Décimo sétimo! Quatro voltas atrás do primeiro colocado e três voltas atrás do carro imediatamente à minha frente.

Que venha Silverstone! Apesar de não ser uma das pistas que mais gosto de andar, espero que essa maré de azar trate de ir para outro carro. De outra equipe, de preferência.

Aí embaixo, como de praxe, o vetê da etapa de ontem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário