21 de outubro de 2013

De tudo um pouco

(Até eu ganhei troféu) Mesmo sem a Fórmula 1, o fim de semana foi agitado nas pistas. Teve match point na MotoGP, decisão de título na Indy, última corrida da temporada na World Series By Renault, Stock Car, WEC, Nascar, DTM... Não deu pra ver tudo. Na verdade, não vi quase nada. Mas aí embaixo tem um resumo do que aconteceu. De tudo um pouco. Ou quase.

Mas, vocês que viram, contem tudo.


NAS MOTOS
Marc Márquez teve o seu primeiro match point em Phillip Island, na Austrália. Mas, ainda não deu. Durante a corrida (encurtada, por conta do desgaste excessivo dos pneus, e com parada de box obrigatória), o pupilo da Honda foi desclassificado por parar nos boxes após a volta estabelecida pela organização. Jorge Lorenzo venceu, e reduziu a vantagem de Márquez para 18 pontos. Completaram o pódio Dani Pedrosa e Valentino Rossi.

A próxima etapa, a penúltima do ano, é em Suzuka. Mais um match point para o pupilo, e mais uma chance para Lorenzo tentar o bi campeonato pela Yamaha. É difícil, mas ainda dá.

NA INDY
A situação para Castroneves não era das mais fáceis após a desastrosa rodada dupla de Houston. Em Fontana, circuito oval, tinha de vencer e torcer para o rival Scott Dixon se foder. Difícil. Ambos lideraram a prova. Mas no fim, Will Power venceu. Com o quinto lugar, Dixon sagrou-se tri campeão. Já Helinho, fechou a prova em sexto e amargou o terceiro vice campeonato.



RENAULT
Na World Series By Renault, Kevin Magnussen, então o mais novo queridinho da McLaren e campeão da bagaça, venceu a última do ano, em Montemeló. Antônio Félix da Costa, o queridinho da Red Bull, foi apenas o 13º. Stoffel Vandoorne, cujo nome começa a pipocar nos boatos da F1, co o segundo lugar na corrida, faturou o vice campeonato. 

São o futuro.





E MAIS
Teve ainda Stock Car, com Átila Abreu vencendo pela primeira vez no ano, Timo Glock encerrando a temporada do DTM com vitória em Hockenheim, e no WEC, a etapa de Fuji teve apenas 16 voltas. O motivo? Mau tempo. A Toyota - dona da pista, diga-se - venceu. Mas, foi uma vitória bem sem graça, convenhamos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário