30 de abril de 2014

Roland

(Ofuscado) Há exatos 20 anos, no dia 30 de Abril, Roland Ratzenberger morria ao vivo, tentando se classificar para a sua segunda largada na Fórmula 1. O jovem de 33 anos comprou um lugar no cockpit da modesta Simtek por algumas corridas. Cinco, acho.

Foi a primeira morte na pista depois de 12 anos, quando Ricardo Palleti morreu no Canadá, em 1982. No entanto, a tragédia, a imagem da Simtek destruída vagando pela pista que chocou a todos no sábado, domingo virou apenas estatística, quando Ayrton Senna morreu.

Roland era um piloto de Fórmula 1, assim como Senna. Ratzenberger foi traído por um aerofólio que se soltou, em um esporte que naquele tempo ainda não tolerava tantas falhas, fossem elas mecânicas ou não.

Hoje podemos dizer que tolera. Em grande parte, por tudo o que aconteceu naquele domingo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário