4 de maio de 2014

Combustível

Talvez um não fosse o que foi sem o outro. Aliás, talvez não, muito provavelmente...

Um comentário: