20 de junho de 2014

Na Áustria (1)

Hoje foi o dia dos primeiros treinos livres em Spielberg, na Áustria (gosto da pista, mas não gosto do nome. Eu preferia mil vezes quando se chamava A1 Ring, ou Zeltweg. Se bem que a pista não é exatamente em Zeltweg, que já teve sim, um outro autódromo, n'um aeroporto, mais ou menos como é Silverstone). Ainda esse ano, dizem, vai passar a se chamar Target Ring. É o quinto nome do lugar já, pelas minhas contas... Uma confusão dos infernos!

Por isso os títulos relativos à corrida na Áustria terão o titulo de "Na Áustria", só. A pista é na Áustria, ora bolas, e pra mim essa informação basta.

Dito isto, vamos ao que aconteceu hoje por lá.



Pois bem, na Áustria não teve pra ninguém, hoje. Hamilton terminou a segunda sessão com 1m09s542, tempo 0s377 mais rápido que seu companheiro prateado, Rosberguinho, que foi o segundo. Em um apista curta e veloz como é a Áustria, três décimos são uma diferença a considerar...

O que dizer então de Alonso, que esgoelou a Ferrari para fechar em terceiro, a monstruosos 0s928 do tempo de Hamilton? Vergonhoso. Eu, se fosse ele ou Kimi, juntava minhas coisas e ia assistir a corrida de casa. Porque o terceiro tempo nos treinos livres não significa muito, já que na corrida estão se acostumando a tomar passão de todo mundo, e aposto que domingo devem chegar atrás das vaquinhas que pastam no entorno da pista.

É impressionante como a Ferrari consegue, com tanta grana disponível, piorar seus carros já ruins...

Enfim, voltando. 

Quem andou bem foi a Williams, o que de certa forma já era de se esperar. Circuito rápido, com longas retas, freadas fortes, subidas, descidas, plantinhas coloridas crescendo no horizonte... Uma coisa linda, a Áustria. Mas, como eu ia dizendo, Bottas foi o quarto e Massa o quinto, ambos separados por 0s002, e a 0s9 do melhor tempo. Mas, ao contrário da Ferrari, a turma de Grove costuma andar rápido aos domingos. É a chance do time marcar uns bons pontos e, quem sabe, sonhar com um pódio. Carro pra isso ele têm, ao menos nesse circuito.

Próxima chance assim só em Spa, ou Monza...

Completaram os dez primeiros hoje Vettel, em sexto (a 1s265 de Hamilton), seguido de Button, Ricciardo Ricardo, Magnussen junior e Vergne. E salvo raras exceções, são esses mesmos que devem brigar pelos pontos no domingo. Eu só colocaria aí no meio os dois forceíndicos, que também têm motorzão Mercedes e não gastam pneu. Uma estratégia meio louca basta pra colocar Hulk e Pérez lá na frente de novo.

Aí embaixo, a tabela de tempos do segundo treino de hoje.


Um comentário:

  1. Alonso de intruso ali... Hummm
    ah! é sexta feira, tá explicado.

    ResponderExcluir