31 de março de 2015

Embrião

Lotus 80.

Lindo, não?

Uma das maiores criações de Colin Chapman.

O modelo foi utilizado apenas por Mario Andretti em 3 corridas da temporada de 1979 [então nos GPs da Espanha, Mônaco e França], acumulando um terceiro lugar, na Espanha, e dois abandonos. 

Segundo o próprio Andretti, nas retas o carro se comportava muito bem, mas nas frenagens e nas curvas havia constante perda de aderência; e nem mesmo a introdução de asas dianteiras resolveu o problema de dirigibilidade. Era preciso um chassis mais rígido, de forma a maximizar o efeito solo.

Chapman engavetou o projeto, e o Lotus 80 serviria de base para o revolucionário Lotus 88, que surgiria dois anos depois.

Um comentário:

  1. Eu não acho um carro bonito. Apesar das cores da martini, o verde não combinou e como um carro que não deu certo acho que no geral n é nem bonito nem eficiente, mas o que o salva é o fato de ter gerado um dos carros mais lindos e incriveis, o lotus 88.

    ResponderExcluir