18 de junho de 2015

A Michelin vem aí...

Mas podem tirar o cavalinho da chuva, porque Bernie Ecclestone não quer uma nova gerra de pneus. Claro que não! O que é bom, ele não quer... A Michelin apenas informou que entrou na disputa para ser a fornecedora de pneus da F1 a partir de 2017. A briga é com a Pirelli, atual fornecedora, cujo contrato termina no final de 2016.

Já que o fornecimento não será liberado para mais de uma empresa (o que pra mim seria o ideal) eu tenho apenas uma opinião sobre pneus: deveriam durar a corrida inteira. Fim - e parece que essa é a proposta da Michelin, assim como pneus maiores (gostei) e de perfil mais baixo (não gostei)...

De qualquer forma, a Pirelli tem seus méritos também, embora tenha entrado na dança sob as regras malucas criadas por Bernie Ecclestone para enterrar ainda mais a F1: pneus esfarelantes, asas móveis, Kers e outros artifícios idiotas. Se mudar as regras da borracha, também faz pneus pra durarem uma vida inteira.

Enfim... Que vença a melhor. Porque, se ganhar uma ou outra, tanto fez como tanto faz.

Um comentário: