27 de agosto de 2015

Canopi

Jack Brabham em Monza, 1967.

Acredito que a solução tenha sido pensada mais por uma questão aerodinâmica do que propriamente para a segurança do piloto, mas vale o registro. Ainda mais agora, com a volta da discussão sobre cockpits fechados.

Eu sou contra.

2 comentários:

  1. No sé si estoy de acuerdo con la cúpula, lo que sí tengo claro, viendo éstas cosas, es que extraño los tiempos en que esperábamos que bajaran los F1 de los camiones con la expectativa de ver con qué novedad nos iban a sorprender.

    ResponderExcluir
  2. Jaime.

    Com certeza isso foi um daqueles testes loucos dessa maravilhosa época que foi os anos 60.

    e sobre as coberturas, também sou contra. pra mim se o cara esta disposto a andar a 300 km/h em um circuito ele tem que aceitar os riscos que vem junto com tudo isso

    ResponderExcluir