23 de fevereiro de 2016

Barcelona, 2º dia

Conseguem perceber as diferenças?

--

Nico Rosberg completou nada menos do que 172 giros com a Mercedes hoje...

Uma marca impressionante (são quase 3 GPs!)

Quem menos andou foi Jolyon Palmer (o motor Renault abriu o bico), com 42 voltas. Além dele, apenas Wehrlein (Manor, 71 voltas) e Gutiérrez (Haas, 79 voltas) deram menos de uma centena de giros...

Até a McLaren andou bastante.

Mas o motor Honda continua rendendo muito menos do que a concorrência...

--

Os pneus hoje foram determinantes.

Para não nos perdermos, aí vai a ordem da borracha para essa temporada:

ultramacios | supermacios | macios | médios | duros

Serão 3 compostos à disposição para cada GP (além dos de chuva)

Enquanto Vettel cravou o melhor tempo de hoje com ultramacios (novidade da temporada para circuitos muito travados, como Mônaco e... bem, só, acho), Rosberg foi P4 com os médios, a 2 segundos da marca de Vettel. Entre eles, Riccardão também de ultramacios e Pérez de supermacios.

Agora...

Imaginem o que essa Mercedes anda com esses pneus super-ultramacios-pra-caralho.

Covardia?

--

Enfim, vamos aos tempos:

1. Sebastian Vettel (Ferrari) - 1:22.810 - 126 voltas
2. Daniel Ricciardo (Red Bull) - 1:23:525 (+0715) - 112 voltas
3. Sergio Pérez (Force India) - 1:23.650 (+0840) - 101 voltas
4. Nico Rosberg (Mercedes) - 1:24.867 (+2057) - 172 voltas
5. Marcus Ericsson (Sauber) - 1:25.237 (+2427) - 108 voltas
6. Esteban Gutiérrez (Haas) - 1:25.524 (+2714) - 79 voltas
7. Valtteri Bottas (Williams) - 1:25.648 (+2838) - 134 voltas
8. Pascal Wehrlein (Manor) - 1:25.925 (+3115) - 71 voltas
9. Fernando Alonso (McLaren) - 1:26.082 (+3272) - 119 voltas
10. Jolyon Palmer (Renault) - 1:26.189 (+3379) - 42 voltas
11.Max Verstappen (Toro Rosso) - 1:26.539 (+3729) - 121 voltas

Nenhum comentário:

Postar um comentário